segunda-feira, 27 de julho de 2009

Bernard Cornu enfatiza inteligência coletiva e Edgar Morin

Bernard Cornu é o presidente do Comitê Técnico de Informática na Educação da IFIP, responsável pelo WCCE. Na conferência de abertura do WCCE, Cornu lembrou da importância do conceito de inteligência coletiva para a informática na educação e como os professores precisam lembrar dessa questão. Ressaltou o pensamento de Edgar Morin, que já falava de uma inteligência planetária antes mesmo das discussões sobre informática na educação.

A conferência de Cornu intitulou-se "TICs em um mundo de complexidade e inteligência coletiva: quebrando as barreiras para um mundo melhor". Para Cornu, a IFIP contribui para a mudança social com a ênfase da importância do uso das TICs na criação de uma inteligência coletiva mundial, um bem compartilhado que quebrará as barreiras econômicas e sociais entre os seres humanos.

2 comentários:

Nuria disse...

Parabéns, Renatíssima!
Vá transmitindo tudo para aquelas/les que como eu não podemos estar aí, ok.
Atenta a tudo, principalemnte ao otimismo maior que o mundo: "Para Cornu, a IFIP contribui para a mudança social com a ênfase da importância do uso das TICs na criação de uma inteligência coletiva mundial, um bem compartilhado que quebrará as barreiras econômicas e sociais entre os seres humanos".

Obrigada e continue nos informando.

Renata Aquino disse...

Pois é, Nuria, nós bem sabemos que a área de educação é conhecida por seu otimismo cândido. Também na sessão de estudantes na Malásia houve uma controvérsia sobre acreditar que a humanidade só funciona para o bem, principalmente com as tecnologias, ou não. Lá na Malásia, os alunos são os responsáveis pelos laboratórios, pela formação dos professores e até pela segurança das redes. Bacana, né?